Coleção Cinderella & Coleção Batman X Superman nas lojas

Eu sei que não sou de falar de moda aqui, até porque não sou expert no assunto, mas recebi duas novidades que não pude deixar de compartilhar com vocês! São super gracinhas!! Falo da Coleção Cinderella & Coleção Batman X Superman que já estão disponíveis nas lojas.

A primeira é a coleção da Any Any para o musical Cinderella, que está em cartaz em SP. A marca é patrocinadora do musical e tudo ficou uma gracinha! Sou fã da Cinderella e quero uma pra mim! A minha preferida foi a cinza, que tem mais cara de cama e descanso! hahaha

Coleção Cinderella & Coleção Batman X Superman

A outra é a coleção que a Riachuelo lançou para o filme Batman X Superman. Eu não escondo que sou fã de super heróis, principalmente do Superman e por isso fiquei muito empolgada com a coleção!

Coleção Cinderella & Coleção Batman X Superman

Ainda não vi o filme (não me contem!!) mas já me apaixonei. Cada camiseta sai por R$39,90. Posso querer todas?

As duas coleções já estão disponíveis para venda nas lojas correspondentes.

 

10 fatos interessantes sobre o olfato!

Algumas curiosidades pra alegrar o dia!

ID-10055098

1. Cada pessoa sente cheiros de uma maneira diferente. Isso ocorre pois cada um tem uma quantidade e tipos de nervos olfativos diferentes. Você adora aquele perfume e sua amiga detesta? Pode ser por isso!

2. Você pode sentir o cheiro do medo. Você também pode sentir o cheiro da felicidade e feromônios.

3. Mulheres geralmente sentem mais cheiros do que os homens. Por isso elas sabem quando a comida estragou antes deles!

ID-100132385

4. Cheiros agradáveis podem te deixar mais feliz. Sentir o cheiro de uma fragrância que você gosta pode afetar seu humor. por isso, se você adora o cheiro de baunilha, deixar algumas gotinhas de óleo essencial na sua mesa podem te animar quando você está triste.

5. Existem menos cheiros do que você imagina: alguns pesquisadores possuem a teoria de que existem apenas alguns odores primários que são combinados de milhares de formas diferentes.

6.  O desejo das mulheres grávidas pode ser explicado pelos cheiros: Quando você está grávida, seu nariz se torna super sensível e por isso você desenvolve um paladar anormal, desejando coisas diferentes.

ID-10079733

7. Na verdade, você sente cheiros com seu cérebro, e não com seu nariz, como você deveria imaginar.

8. Cheiros podem sinalizar memórias. Porém a maior parte das suas memórias olfativas vem da sua primeira década de vida, ao contrário das memórias visuais ou outras memórias.

9. Os homens podem sentir o cheiro das mulheres ovulando. Feromônios!

ID-10024193

10. Os humanos tem 350 genes receptores olfativos. Os ratos tem 1300.

Permeabilidade Cutânea – O que é?

 

Muito se fala sobre a aplicação de cremes e seus efeitos, principalmente para antirugas, anticelulites e todos os cremes que prometem algum efeito. Mas o que nem todo mundo conta é sobre a permeabilidade cutânea de cada um deles. Vamos aprender um pouco sobre isso?

Permeabilidade cutânea é a capacidade que a pele tem de deixar passar certas substâncias em função de sua natureza química ou de determinados fatores.
Sabe-se que a epiderme, camada mais externa da pele, é praticamente impermeável a todas as substâncias não-gasosas. É esta uma característica de sua função protetora, pois se não fosse assim seria possível provocar alergias pela aplicação de substâncias ou seria fácil à penetração de microorganismos através dessa barreira.

Para saber sobre as camadas da pele, veja esse post.

Em geral, a pele é

  • Permeável aos gases verdadeiros e a substâncias voláteis. O mecanismo pelo qual a pele permite esse fenômeno é o da difusão e segue pelas leis da física.
  • Relativamente permeável a determinadas substâncias lipossolúveis como hormônios esteróides, vitamina D e provavelmente a vitamina A. Também derivados fenólicos são absorvidos em graus variados.
  • Praticamente impermeável a eletrólitos, proteínas e carboidratos. No caso de proteínas e carboidratos a penetração se deve ao tamanho de suas moléculas e a pouca lipossolubilidade. Porém sua pouca solubilidade pode ser contornada se o peso molecular (PM – tamanho da molécula) for reduzido por meio de reações de hidrólise e subseqüente ionização.

 

As barreiras que impedem ou dificultam a penetração de substâncias externas são, basicamente:

  • O manto hidrolipídico, constituído pela emulsão rica em sebo cutâneo (na pele oleosa ele é o que predomina);
  • A epiderme pelos queratinócitos que completam a barreira lipídica;
  • Uma camada hidrofílica, permeável à água e na qual poderão difundir as substâncias hidrofílicas (derme e hipoderme);
  • Um certo número de órgãos anexos: os folículos pilosos (onde nascem os pelos), as glândulas sebáceas (produtoras do sebo) e as glândulas sudoríparas (que produzem o suor).

 

No próximo post eu conto como melhorar a permeabilidade e facilitar a penetração dos ativos. Não perca!

Como se forma o cabelo?

Não é mágico que fiozinhos crescem na cabeça, resultando em lindos fios de cabelo?

Olha só como ele se forma:

O cabelo ou pêlo é composto por células epidérmicas mortas que passaram por um processo de queratinização incluindo a expressão diferencial de queratinas específicas. É derivado dos folículos capilares ou pilosos, que são invaginações que se projetam da derme ou hipoderme.

O cabelo é composto por 5 estruturas básicas:

  • As raízes – Estão protegidas na derme, dentro do folículo piloso, onde o cabelo é gerado e colorido
  • A papila dérmica – A papila é a força real que dirige o folículo, fornecendo toda informação necessária para a multiplicação e diferenciação das células da matriz e, deste modo, regulando o ciclo de vida do cabelo.
  • A glândula sebácea – A glândula libera seus lipídios na forma de uma substância gordurosa, chamada sebo. Em quantidades normais, o sebo é essencial para a lubrificação e proteção da fibra capilar mantendo sua flexibilidade e brilho. Controlado por hormônios, o correto funcionamento da glândula sebácea pode se tornar irregular, produzindo muito ou pouco sebo, o que acaba prejudicando o cabelo. Se produzido em excesso, pode tornar o cabelo oleoso e pesado. Por outro lado, a falta de sebo pode tornar os cabelos danificados, secos ou opacos.

  • Os queratinócitos – Os queratinócitos do folículo piloso são células que se multiplicam numa taxa muito maior do que os queratinócitos da pele. Além disso, eles se diferenciam para formar as diferentes estruturas do cabelo. A produção e armazenamento de queratina, um processo denominado queratinização, causa um endurecimento destas células, levando à desintegração de seus núcleos e conseqüente morte. Dessa forma, o cabelo é gerado no folículo.

 

  • Os melanócitos – Os melanócitos são células grandes que produzem o pigmento melanina e o transferem aos queratinócitos, que formam o córtex da fibra capilar. Diferentemente da pele, os melanócitos do folículo piloso não precisam da luz do sol para produzir melanina. Os melanócitos produzem as melaninas em organelas  especializadas chamadas de  melanossomos. As diferenças de coloração são devidas às diferenças no número, tamanho e arranjo dos melanossomos.
O segredo é se alimentar bem, com todas as vitaminas e minerais que temos direito. Assim, os fios crescem fortes e lindos!